Papa: “É preciso coragem para rezar o Pai Nosso”

4-cq5dam.thumbnail.cropped.750.422-4Na noite de quarta-feira (20/12) o Papa Francisco participou mais uma vez do programa televisivo ‘Pai Nosso’, transmitido pelo canal TV2000, da Conferência Episcopal Italiana, CEI.

Neste 9º e último capítulo da série, ficou impressa a afirmação do Papa, conversando com o capelão do cárcere de Pádua, Pe. Marco Pozza,  de que “é preciso coragem para rezar o Pai Nosso”.

“Digam ‘papai’ e acreditem realmente que Deus é o Pai que me acompanha, me perdoa, me dá o pão, está atento a tudo o que peço e me veste melhor do que as flores do campo…. Acreditar – continuou o Papa – é também um grande risco. E se não for verdade?”.

“ É preciso ousar, ousar, mas todos juntos. Por isso, rezar juntos é tão bonito: porque nos ajudamos uns aos outros a ousar. ”

Para elucidar o conceito do amor de Deus, que nos dá o que comer, o Papa propôs uma recordação de sua infância:

“Quando o pão caia no chão, nos ensinavam a pegá-lo e beijá-lo. Jamais se jogava pão fora. O pão é o símbolo da unidade da humanidade, do amor de Deus. Quando sobrava, as avós e as mães o botavam de molho no leite e faziam um bolo, ou outra coisa, mas nunca se jogava fora”.

O programa nasceu da colaboração entre a SPC (Secretaria para a Comunicação) e a emissora da CEI e teve a participação de expoentes leigos da cultura. A partir da série foi criado também o livro ‘Pai Nosso’ publicado pela editoras Rizzoli e Vaticana.

Assista ao vídeo aqui (em italiano).

Por Vatican News

 

 

Check Also

1-cq5dam.thumbnail.cropped.750.422

A Crisma é a marca indelével que nos une a Cristo

O Pontífice deu sequência à catequese sobre a Crisma, recordando que o Espírito é um …