Papa: nunca joguem fora a comida que sobra

6-ibu0qxwp9_coqmjlkzldcve2lejpue81ogje6dtchiuqs-1nznnehzb0fnnp5laiqmmywtmltxnz0n2mhkdy41c47zca“Este é um conselho e também um exame de consciência”, disse o Papa Francisco ao nos puxar as orelhas
A passagem do Evangelho proposta pela liturgia deste domingo foi a da multiplicação dos pães e dos peixes. Veio dela a inspiração para as palavras do Papa Francisco sobre o desperdício de comida, cometido levianamente enquanto tanta gente passa fome.

Antes de rezar o Angelus com os milhares de fiéis reunidos na Praça São Pedro, o Papa Francisco observou que, segundo a narrativa do Evangelho de São João, Jesus se mostra atento às necessidades primárias das pessoas:
“As pessoas têm fome e Jesus envolve seus discípulos para que essa fome seja saciada. Este é o fato concreto. Para as multidões, Jesus ofereceu a sua Palavra, a sua consolação, a sua salvação e finalmente a sua vida, mas certamente fez também isso: cuidou da comida para o corpo. E nós, seus discípulos, não podemos fazer de conta que não sabemos de nada. Só ouvindo as demandas mais simples das pessoas e colocando-nos do lado das suas situações existenciais concretas é que poderemos ser escutados quando falarmos de valores mais elevados”.

“O amor de Deus pela humanidade faminta de pão, de liberdade, de justiça, de paz e, acima de tudo, da sua graça divina, nunca falha. Não podemos permanecer como espectadores distantes e tranquilos diante do grito de fome, de todos os tipos de fome, de tantos irmãos e irmãs em todas as partes do mundo”.

O que fazer com a comida que sobra
Outra passagem do Evangelho destacada pelo Papa Francisco foi a frase de Jesus aos discípulos depois que a multidão foi saciada:
“Recolham os pedaços que sobraram, para que nada seja perdido”.

O Papa propôs esta mesma frase aos presentes na Praça São Pedro, chamando a atenção para o desperdício de comida, quando tantos passam fome:
“Penso nas pessoas que têm fome e em quanta comida que sobra e jogamos fora… Cada um de nós pense: a comida que sobra no almoço, no jantar, para onde vai? Na minha casa, o que se faz com a comida que sobra? É jogada fora? Não. Se você tem este costume, eu dou um conselho: fale com os seus avós e pergunte a eles o que faziam com a comida que sobrava. Nunca jogar fora a comida que sobra! Reutilizem ou deem a quem possa comê-la, a quem tem necessidade. Nunca joguem fora a comida que sobra. Este é um conselho e também um exame de consciência: o que se faz em casa com a comida que sobra?”
Ao terminar, o Papa convidou:
“Rezemos à Virgem Maria para que prevaleçam no mundo os programas dedicados ao desenvolvimento, à alimentação, à solidariedade, e não os programas dedicados ao ódio, aos armamentos e à guerra”.

 

Check Also

4-esluso

PAPA: CUIDAR DOS NOSSOS IRMÃOS DOENTES ABRE O NOSSO CORAÇÃO

Nesta segunda-feira, 1º de outubro, o Papa Francisco recebeu os participantes do IV Seminário de …